Gama Cidadão | O Seu Portal de Notícias e Cidadania

Ter01172017

Last updateSeg, 16 Jan 2017 5pm

Portuguese Arabic English French German Japanese Spanish

Gama mostra sua força, vence o Formosa de virada e vai à semifinal

Timemania: aposte no Gama como time do coração!

A tarde deste domingo de Páscoa (5), foi uma das mais emocionantes dos últimos tempos. Para o Gama, era vencer ou vencer. Os comandados de Gilson Granzotto entraram com tudo pra cima dos goianos do Formosa, o Maior do DF perdeu chances com Hériclis, que cabeceou a bola rente a trave e com Rodrigo Gral, que não dominou bola dentro da área por falha no gramado. Quem não faz leva, após falta cobrada por Carlos André, houve um bate e rebate na área e Fred sozinho empurrou pra rede fazendo Formosa 1x0, aos 30'. Quem pensou que o Gamão fosse se abater se enganou, empurrado pela apaixonada torcida, o Verdão candango chegou ao empate aos 41 do primeiro tempo. Com excelente jogada de Hériclis pela direita, o meia cruzou para Rodrigo Gral empurrar para o fundo das redes, tudo igual, 1x1.

No segundo tempo o ar de dramaticidade só aumentou, pois o jogo tinha uma tônica, o Gama martelava e o Formosa fazia cera e mostrava claramente que não queria jogar. O técnico Gilson Granzotto lançou os atacantes Grampola e Miracema e o Gama atacava intensamente, mas parava nas boas defesas do goleiro adversário, Maringá. Água mole em pedra dura, tanto bate até que fura. Aos 36', em mais uma bela jogada de Hériclis, Thiago Miracema colocou no canto direto do goleiro goiano e vira vira do Gamão do Povão, 2x1. Esse resultado dava a classificação ao Gama e após a virada foi só segurar a bola e deixar o tempo passar. Ao final da partida, o técnico Gilson Granzotto enaltece a força mental que o grupo teve durante o jogo. 'Nosso time mostrou força, principalmente no momento em que tomamos o gol, mantemos a tranquilidade e fomos buscar o resultado. Todos estão de parabéns!', finalizou Gilson.

O maior detentor de títulos do DF, o Gama, enfrenta nas semifinais o Brasiliense em dois jogos, um em Taguatinga outro no Bezerrão.

Fonte: Danny Pança - Assessoria SEG

Com um a menos, Gama perde por placar mínimo para o Formosa

Timemania: aposte no Gama como time do coração!
 

O Maior do DF foi até Formosa para a primeira partida da fase de quartas de final e perdeu por 1x0 para o time local em um jogo de arbitragem confusa.
 
O primeiro tempo começou pegado, com os dois times com três volantes no meio-campo, o jogo foi o reflexo disso, muito amarrado nos primeiros 45 minutos. Porém, um lance aos 40' mudaria o andamento do jogo, em uma falta do volante gamense Galhardo em cima do atacante Jonatan do time goiano, exatamente na linha do meio campo e muito próximo a linha lateral. O árbitro Gildevan Lacerda, muito próximo à torcida da casa, levantou prontamente o cartão vermelho em um claro exagero para delírio dos goianos. 
 
Na segunda etapa o Gama já voltou com uma alteração, Daniel Ferreira entrou na vaga de Lenilson. O Gama mantinha o controle da partida e teve a maior oportunidade do jogo aos 17 minutos em uma bela jogada de Formiga, que com a canhota chutou, a defesa adversária espirrou o taco e Daniel Ferreira livre perdeu gol incrível. E a máxima do futebol castigou o Gama, na saída de bola em uma boa jogada de João Carlos pela esquerda que invadiu a área e foi derrubado por Pereira. Pênalti! João Carlos bateu e converteu  Formosa 1x0.  À partir daí o Gama tentou empatar, mas sem se descuidar a retaguarda. Tentou, mas sem sucesso não  conseguiu empatar. O jogo terminou mesmo com resultado mínimo em favor do Formosa. O zagueiro Pedrão ressaltou que o time precisa estar mais atento, mas também saiu chateado com a arbitragem. "Temos que está ligados os 90 minutos, mas não pode acontecer o que vimos aqui, o Galhardo fez só uma falta no jogo e o juiz já meteu o vermelho", comentou o zagueirão. Já o meia Baiano fez um alerta para o jogo de volta. "Precisamos da torcida ao nosso lado os 90 minutos pressionando o adversário, temos que fazer do Bezerrão um caldeirão", completou Baiano.
 
Qualquer vitória dá vaga para a semi final ao Gama, já o Formosa joga pelo empate.
 
GAMA 
Pereira; Dudu Gago, Pedrão, Gusttavo Henrique e Rafinha; T. Gaúcho, Galhardo, Baiano e Lenílson (Daniel Ferreira); Formiga (Hériclis) e Grampola (Miracema); Téc.: Gilson Granzotto.
 
FORMOSA
Maringá; Klein, Rafael, Douglas e Leandro; Marcinho Pittbull, Mattos (Willian Bahia), Carlos André (João Carlos) e Maciel (Maurício França); Jhonatan e Fred; Téc.: Emersom Carvalho

Fonte: Danny Pança - Assessoria SEG

Gama vacila e perde a liderança dentro de casa

Tinha tudo para ser uma tarde de confirmação de liderança da primeira fase do Candangão, mas não foi o que aconteceu na fria tarde de quarta-feira (25). O Gama entrou com a obrigação de vencer, mas não foi o que aconteceu.

Na primeira etapa inúmeras chances foram criadas e perdidas pelo Periquito. O técnico Gilson Granzotto optou em colocar Rodrigo Gral na vaga de Grampola que vinha atuando. Já Baiano, outro jogador poupado por estar pendurado, entrou apenas na segunda etapa. Muitas oportunidades foram desperdiçadas, e o castigo veio a cavalo, num escanteio batido por Pipoca, Vitor Santana, cria do Gama, empurrou para o fundo das redes Cruzeiro-DF 1 a 0, os 42'.

No segundo tempo, o Verdão voltou com a mesma equipe, porém aos 7 minutos Hériclis entrou na vaga de Formiga, fazendo o Gama a atuar na 4-4-2. Mas nada hoje deu certo, Grampola acertou uma bomba no travessão, Lenilson no abafa bateu por cima. Tudo foi tentado, substituições foram feitas, porém o futebol é assim. Com a derrota, o maior campeão do DF ficou com a segunda colocação e agora enfrentará o Formosa nas quartas de final, com o 1º jogo na cidade goiana, no próximo domingo (29), no Estádio Diogão.

GAMA

Pereira, Dudu Gago, Pedrão, Gusttavo Henrique, Rafinha, Tiago Gaúcho, Galhardo, Lenílson, Formiga, Gral e Miracema. Entraram Hericlis, Baiano e Grampola.

CRUZEIRO-DF
Marlon, Juninho, Leandro, Madruga, Nathan, Pão de Queijo, Pipoca, Bocão, Gabriel, Victor Santana e Bruno: Entraram  Índio, Mateus, Quarentinha.
 
Fonte: Danny Pança - Assessoria SEG - 25/03/2015

CANDANGÃO: Última rodada define G8 e rebaixado à Segunda Divisão

Gama, Brasília, Brasiliense e Luziânia já estão garantidos nas quartas de final

img

Brasília, DF, 24 (AFI) - Na tarde desta quarta-feira, com os cinco jogos da 11ª rodada da primeira fase do Candangão acontecendo simultaneamente, a partir das 16 horas, será definida a posição dos oito classificados para a próxima fase. Além disso será conhecido o segundo time a ser rebaixado, equipe que acompanhará o Samambaia, que desistiu da competição.

Os jogos da 11ª e última rodada da primeira fase do Candangão:

Brasiliense x Paracatú, no Serejão:

O time do técnico Rafael Toledo, o Brasiliense é o terceiro colocado, com 16 pontos. Pode chegar na segunda posição. Tem de vencer o Paracatú e torcer por tropeço do Brasília com o Santa Maria. O Paracatú que é o sétimo com 12 pontos, quer uma melhor posição para a próxima fase. Apita o jogo Almir Camargo.

Sobradinho x Ceilandense, no Augustinho Lima:

O time do técnico Túlio Guerreiro é o oitavo com 10 pontos e quer melhorar na tabela. O Ceilandense com 4 pontos, luta desesperadamente para não ser rebaixado. Tem de vencer e torcer para que Santa Maria ou Cruzeiro percam de goleada. Apita o jogo Rodrigo Raposo.

Luziânia x Ceilandia, no Serra do Lago:

O azulino goiano do técnico Ricardo Antoni perdeu quatro jogadores. Tem de vencer para se manter entre os quatros. É o quarto com 14 pontos. O Ceilândia é o quinto, com 13 pontos. O time de Adelson de Almeida quer entrar no G4 para ter vantagens na próxima fase. Apita o jogo Alan Simei.

Brasília x Santa Maria, no Abadião:

O Colorado do DF quer se recuperar da desclassificação na Copa Verde. É o segundo do Candangão com 18 pontos. Tem de vencer para se manter na posição. O Santa Maria é o nono com 6 pontos e corre risco de rebaixamento. Apita o jogo Vanderlei Soares.

Gama x Cruzeiro, no Bezerrão:

Os comandados do técnico Gilson Granzotto querem confirmar o primeiro lugar desta fase. Estão com 20 pontos ganhos. O Cruzeiro é o 10º com 6 pontos e corre risco de ser rebaixado. Apita o jogo Wales Martins.

TIMAÇO SHOW DE BOLA DA TV E RÁDIO FIBRA EM CAMPO NESTA QUARTA

Na era da internet e com muitos brasilienses em horário de trabalho, a Equipe Show de Bola da TV Fibra de Brasília transmitirá Gama x Cruzeiro/DF a partir das 15h45 desta quarta-feira, direto do Bezerrão. Acesse o WWW.tvfibra.org.br e acompanhe as emoções de Gama x Cruzeiro/DF e todas as informações da última rodada da primeira fase do Candangão.

REGULAMENTO!

O Campeonato Brasiliense 2015 terá em sua primeira fase a disputa de todos os participantes jogando contra si, em turno único, com 11 rodadas. As oito melhores equipes classificadas nesta fase passarão para a segunda fase.

As duas piores equipes classificadas serão rebaixadas para a segunda divisão candanga de 2016. Na segunda fase, os oito clubes classificados jogarão em partidas de ida e volta, em cruzamentos envolvendo o 8ºx1º, 7ºx2º, 6ºx3º, 5ºx4º.

Na terceira fase, os quatro classificados se enfrentarão, com o 4ºx1º, 3ºx2º. As duas equipes classificadas disputarão o título candango de 2015.

Fonte: Futebol Interior - 24/03/2015

Gama joga bem, mas clássico fica no 0 a 0

Timemania: aposte no Gama como time do coração!

img
O estádio Bezerrão, na noite deste sábado (14), foi palco do maior clássico de futebol do Distrito Federal recebendo a partida entre Gama x Brasiliense, com uma bela festa da torcida Gamense, que mais uma vez compareceu . Com um público de aproximadamente 8 mil pessoas apoiando o Alviverde, o Gama fez uma boa partida, mas com boa atuação do goleiro rival o placar não saiu do 0 a 0.

 
A primeira etapa da partida foi de muita pegada e de poucas oportunidades para ambos os lados. O Gama teve a melhor oportunidade com Formiga, que aos 26' recebeu cruzamento de Miracema, ajeitou e bateu colocado no canto esquerdo do goleiro Welder, que se esticou todo e viu a bola raspar na trave. O jogo ficou tenso, quando Pedrão fez falta em Luiz Carlos, o camisa 19 do Brasiliense foi tirar satisfações, os dois acabaram se estranhando, e o juiz amarelou para os dois lados. 
 
Na etapa complementar, o Gama voltou melhor e partindo pra cima do adversário, obrigando o goleiro Welder a trabalhar bastante. Com boas chegadas na área, Grampola quase abriu o marcador com um chute rasteiro aos 15' e aos 26' de cabeça. Dudu Gago bateu de fora da área e quase surpreende o goleiro, que teve que se esticar para fazer a defesa. Aos 42', Gama ainda teve um gol anulado do meia Lenilson, que cabeceou no fundo das redes em cruzamento do Baiano. "Nossa equipe teve melhor volume de jogo, criamos as melhores oportunidades e merecíamos a vitória", disse Lenílson.
 
O Gama volta a campo no dia 25 contra o Cruzeiro pela última rodada da fase de classificação.
 
GAMA
Pereira; Dudu Gago, Pedrão, Jesiel e Rafinha; Thiago Gaúcho, Baiano e Lenílson; Formiga, Miracema (Hériclis) e Grampola (Rodrigo Gral);
 
BRASILIENSE
Welder; Dedê, Felipe, Alex Silva e Kaká; Gilmar, Lusmar, Elivélton e Allan Delon; Luiz Carlos (Kiros) e Lopes;
 
ARBITRAGEM
Sávio Sampaio (Arb.), Ciro Chaban (Aux.1), Mizael Quintino (Aux.2), Vivaldo Guedes (Aux.3) e Lucas Modesto (Aux.4)

Fonte: Silas Monteiro - Assessoria SEG

Definida arbitragem para o clássico entre Gama x Brasiliense

Timemania: aposte no Gama como time do coração!

img

A Federação Brasiliense de Futebol divulgou nesta manhã de quinta-feira (12) a arbitragem para o clássico do próximo sábado (14), às 20h, no Bezerrão. Apita o jogo, Sávio Sampaio, o árbitro apitou dois jogos do Gama neste ano, contra Zalgiris, com vitória gamense por 2x0, e na derrota por 1x0 para o Paracatu na cidade mineira. Os auxiliares serão Ciro Chaban e Mizael Quintino. Nesse jogo haverá uma peculiaridade, haverá o quarto e quinto árbitro, sendo eles: Vivaldo Guedes e Lucas Modesto.
 

Fonte: Silas Monteiro - Assessoria SEG

Portal Gama Cidadão