"Sarau Nacional Banca de Poetas"

Na manhã de sábado, 6 de agosto, os ouvintes da Radio Nacional AM (980Khz) tiveram uma programação diferente, recheada de muita cultura popular. Poesia, música e causos, assim foi o Sarau Nacional Banca de Poetas. O programa Revista Brasília desse sábado, além do Walter Lima, teve sob o comando de um dos microfones o Poeta Garcia Caianno, junto com artistas locais por ele convidados.

O projeto desse Poeta que foi apresentado nos Estúdios da Rádio Nacional, nasceu em 2001, dentro do projeto iniciado e mantido por Dedé (como é mais comumente conhecido), idealizador da Banca de Poetas. A Banca de Poetas, de lá pra cá, já percorreu várias regiões do Distrito Federal, percorrendo cidades satélites, participando de todas as bienais e todas as feiras de livros desde então. Segundo disse o próprio Dedé, fôssemos como convidados ou como invasores, ocupadores de espaço público, algo que, segundo ele, é a vocação e características da Banca de Poetas, sempre estaremos em livre picadeiro para libertar a poesia.

Na Rádio Nacional, a chegada foi exatamente a divulgação do Festival Banca de Poetas. Um projeto selecionado no Edital nº 5 de 2014 da Secretária de Cultura, quando a Banca assumiu o compromisso de levar o projeto de incentivo à Leitura e à Educação Ambiental por seis cidades satélites. Assim, dentro do processo de divulgação, a Banca de Poetas chega à Rádio Nacional com essa proposta e a equipe caiu no agrado da produção do programa do Walter Lima. O projeto segue adiante a buscar novas tendências para sua transmissão não só pelo rádio como também ao vivo pela internet.

No Ar ao vivo e a cores

Hoje, no âmbito da comunicação, temos a “Onlainização” do processo de produção. Por exemplo, a comunicação radiofônica já não é mais a mesma. Além do tradicional, as transmissões radiofônicas passam a atuar no sentido de ter imagem, apresentada no sistema online, por meio desse novo processo que tomou conta da produção nos meios de comunicação.

É pensando dentro desse novo processo que a Banca de Poetas aceitou o convite do programa que foi ao ar neste sábado 6 de agosto. Convidaram os parceiros da Banca de Poetas para que o programa pudesse, além de ser irradiado, fosse transmitido ao vivo e a cores. E assim tudo transcorreu com muita alegria junto com os parceiros que participaram nesse desfecho, onde a Rádio Nacional reiterou a intenção de implementar ainda mais a participação da Banca de Poetas. Convidando-os, inicialmente, para fazer o programa todo primeiro sábado do mês. Dando sequência, há intenção da Rádio de que o programa vá ao ar todos os sábados. Mas essa proposta está sendo analisada, o que ficou marcado para uma conversa administrativa com o grupo, não só da Rádio, mas também, com os parceiros da Banca de Poetas. O cerne da conversa é ver a possibilidade desse desdobramento.

Isso é algo que vem alegrando muito o poeta Dedé (José Garcia Caianno), pois o trabalho da Banca de Poetas vem sendo aceito por aquela casa que é tão importante para a comunicação, que está espalhada e distribuindo a noticia para o mundo inteiro, assim a Banca de Poetas tem agora um novo e grande parceiro.

É necessário lembrar que esta relação profissional é decorrente das ações desenvolvidas pelo Festival Banca de Poetas/FAC cujo proponente é José Gomes Garcia, evidenciando que ultrapassou expectativas e cumpriu premissas editoriais, inclusive, indo além das prerrogativas, deixando um legado importante e rico para as gestões públicas. Fomento para arte é para arte.

Galeria de fotos. Clique aqui!

 

Paulim Diolinda e Luiz Felipe Vitelli

 

Poeta José Garcia Caianno

Jairo Mendonça, Jairo Mozart e Cumpadi Ancelmo

Manoel Pretto e Cumpadi Ancelmo

Sarau Nacional Banca de Poetas

A apresentação é de Valter Lima

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar