Está definido como novo governador do Distrito Federal Rodrigo Rollemberg (PSB), com 55,56%. O seu adversário, Jofran Frejat (PR) teve 44,44% dos votos.

img

O DF tem 1.935.041 eleitores, segundo informações do Tribunal Superior Eleitoral. Número equivale a 1,3% do eleitorado nacional. No primeiro turno, Rollemberg registrou 45,23% dos votos válidos, o que equivale a 692.855 eleitores. Já Frejat somou 27,97% dos votos, um total de 428.522.

Senador desde 2011, Rodrigo Sobral Rollemberg, 55 anos, é casado com Márcia Helena Gonçalves Rollemberg e tem três filhos. Filiado ao PSB desde 1985.

Senador pelo Distrito Federal desde 2010, Rollemberg (PSB) concorreu pela coligação "Somos Todos Brasília" (PSB, SD, PDT e PSD). O vice na chapa é o servidor público Renato Santana (PSD).

Nascido no Rio de Janeiro, em 1959, Rollemberg foi distrital por dois mandatos (1998 e 2006). Pessebista já esteve à frente da secretaria de Turismo, Lazer e Juventude no governo de Cristovam Buarque no DF, e da secretaria de Inclusão Digital, no Ministério da Ciência e Tecnologia, durante gestão do ex-presidente Lula.

No Senado, Rollemberg integrou as comissões de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor e Fiscalização e Controle (CMA); Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática (CCT); Assuntos Econômicos (CAE); e Assuntos Sociais (CAS); além de presidir a Comissão Especial de Modernização do Código de Defesa do Consumidor. Hélio José da Silva Lima é suplente no senado de Rollembeg e assumirá o cargo pelos próximos quatro anos.

Rollemberg disputou sua primeira eleição em 1990, concorrendo ao cargo de deputado distrital. À época, ele não se elegeu. Em 1994, disputou para o mesmo cargo e alcançou sua primeira suplência, assumindo o mandato eventualmente pelas licenças do titular Wasny de Roure. Em 1998, foi eleito efetivamente deputado distrital.

Em 2002, concorreu ao cargo de governador do DF e ficou em terceiro lugar. Em 2006, foi eleito deputado federal com 55.917 votos. Em 2010, elege-se senador, juntamente com Cristovam Buarque (PDT), com 738.575 votos (33,03% dos votos válidos).

Um político que sempre buscou estar em contato direto com o povo, Rollemberg tem suas rodas de conversa como esse instrumento de interação entre o político e a população. Ainda enquanto Senador pelo DF Rollemberg veio tendo essa importante iniciativa. Esporadicamente, ele se reunia com a população do DF para ter um momento de “prosa” e manter um contato direito com o povo.

img

Durante a realização de uma das reuniões do Acorda Gama em 2013, Rodrigo Rolemberg esteve presente para ouvir o a população tinha a dizer. Veja mais aqui.

Durante a campanha, as rodas de conversa se tornaram ainda mais intensas, passando por todas as cidades do DF.

Toda essa interação com o eleitor e suas propostas, foram fundamentais para sua vitória.

Da redação do Gama Cidadão


Leia mais: Rodrigo Rollemberg e as rodas de prosa